30 de out de 2012

Eu to vivo
Respiro
Transpiro
Admiro
Pobres cadeias de carbono
Tão bem organizadas
Que chegaram a criar um intelecto
Todo ininteligível
Que nem sequer
compreende
O que acontece ao seu redor.

Nenhum comentário: