1 de jul de 2014

acabaram-se os cigarros
meus olhos claros
cegos
meu nariz torto
escondeu-se
amanhã novamente
vai ser difícil sair da cama,
ainda não comprei
a minha alma

Nenhum comentário: